Capital realiza vacinação contra febre amarela em mais de 200 postos volantes neste fim de ano

A Secretaria Municipal da Saúde (SMS) de São Paulo realiza até a próxima sexta-feira (28) ações de vacinação contra a febre amarela em mais de 200 postos volantes localizados em pontos estratégicos e com grande circulação de pessoas, como em estações de trem e metrô, nos terminais rodoviários Tietê e Barra Funda, terminais de ônibus, shoppings e supermercados.

Além da vacinação a secretaria realiza, nos dias 21 e 28 de dezembro, ações de orientação sobre arboviroses (dengue, zika, chikungunya e febre amarela) com faixas e panfletagem em grandes avenidas e nas principais saídas da cidade, como no início das rodovias Raposo Tavares e Régis Bittencourt.

Desde o início da campanha de vacinação contra febre amarela no município em setembro de 2017 até novembro deste ano, foram vacinadas 60,73% da população. Considerando a aplicação das doses nos últimos dez anos, a cobertura integral da vacina em São Paulo é de 73,75%.

No dia 8 de novembro, a Prefeitura de São Paulo lançou o Plano Municipal de Enfrentamento às Arboviroses, com providências técnicas e práticas intersetoriais para o combate e a prevenção das doenças transmitidas pelo Aedes aegypti.

Para isso, a SMS realizou a capacitação de 8,5 mil Agentes Comunitários de Saúde (ACSs) e 240 Agentes de Proteção Ambiental (APAs). Desde então, foram feitas ações em cemitérios públicos para a prevenção das doenças transmitidas pelo Aedes aegypti, vacinação extra muros de febre amarela,  realização de Dia “D” de combate às arboviroses em 24 de novembro, e ações educativas com estátuas humanas em pontos estratégicos da cidade.

A lista com os locais, datas e horários dos postos volantes pode ser acessada aqui.

Vale lembrar que quem for viajar para outras cidades consideradas de risco para febre amarela, deve tomar a dose até dez dias antes. A vacina também está disponível em todas as unidades básicas de saúde.